Resumo Por Capítulo: Minha Vida de Menina

Faça o download do eBook completo, em formato PDF:


Ou continue lendo online (com anúncios):

 

Agosto de 1894


Dia 4, sábado

A família de Helena tem muita falta de sorte com os negócios: Seu Zeca vendeu todos os produtos da venda fiado e não recebeu de ninguém, ficando sem mercadorias. O pai da garota resolveu liquidar o negócio.


Dia 10, sexta-feira

Havia grande expectativa para a novena das Mercês, na casa de Zizica, prima de Dona Carolina, pois sua filha, Zulmira, dizia que estavam sendo comprados muitos alimentos para a ocasião. Entretanto foi servido somente café e Lucas, um primo malvado de Helena, fez com que Zezinho, um pretinho que era tratado como seu irmão, recitasse versos em que zombava da anfitriã. Zizica se fez de desentendida.


Dia 18, sábado

Os pais de Helena comentavam a mania que vovó Teodora e suas filhas tinham de estarem sempre criando algum negrinho órfão. Helena só não gostava de ver Nestor, um negro já crescido e criado por Chiquinha, que era muito folgado e intrometido, além de não trabalhar. A avó de Helena dizia para ela ter paciência, pois tudo se arranjaria um dia.


Dia 23, quinta-feira

Siá Ritinha apareceu com uma triste novidade: alguém jogou água fervendo no macaco Chico, que ficou todo pelado e nem parece o mesmo de tão desanimado. Helena acredita que deve ter sido obra de algum vizinho de quem ele roubava alimentos.


Dia 25, sábado

O que mais a família de Helena pede a Deus é sossego. Tio Conrado até dá mais esmolas aos pedintes que fazem este pedido a Deus.


Um deles é Pai Filipe, de quem Helena tinha muito medo, pois Mãe Tina lhe contava que ele carregava crianças roubadas em seu saco.

Dia 28, terça-feira

Foi aniversário de Helena e sua avó sugeriu que ela chamasse suas amigas para a merenda. Elas comeram muitas delícias e puderam colher o que quisessem na horta. Todas ficaram admiradas com o carinho de avó Teodora por sua neta.


Helena percebe que todos que a tratam bem são queridos pela avó, que sempre quer retribuir os agrados.


Dia 30, quinta-feira

Helena percebe que em Diamantina a reza tem mais poder que o trabalho. Ela estava na chácara de Seu Juca Neves e ele dizia estar sem dinheiro para o almoço, mas crente que Deus iria provê-lo. Em instantes surgiu um inquilino a lhe pagar o aluguel atrasado e solucionar a questão – só podia ser obra de Deus!

 

Faça o download do eBook completo, em formato PDF:


Ou continue lendo online (com anúncios) navegando abaixo: