Resumo Por Capítulo: Capitães da Areia

Faça o download do eBook completo, em formato PDF:


Ou continue lendo online (com anúncios):

Canção de amor da vitalina

Gato trouxe para o trapiche informações sobre um novo alvo para uma ação dos Capitães da Areia: Joana era uma vitalina (uma senhora que não havia se casado, uma solteirona) por volta de quarenta e cinco anos, única herdeira de uma rica família, vivendo numa mansão onde, diziam, havia uma sala repleta de joias e ouro.


Sem-Pernas, como de costume, se propôs a infiltrar-se na residência para então armarem o roubo. Apresentando-se como uma criança na procura de algum trabalho, foi facilmente acolhido por Joana e sua empregada, uma negra que parecia fazer parte da herança da família.


O que não se sabia é que por trás da bondade de Joana havia outra intenção: era o sexo que a dominava. Anos antes ela já tivera um menino, mas seu irmão descobrira e o expulsara. Agora seu irmão estava morto e surgia outro garoto para saciar seus desejos.


Já na primeira noite em que Sem-Pernas dormia na casa, numa cama improvisada na sala de jantar, a vitalina surpreendeu-o, acariciando seu corpo e deitando-se junto a ele. O rapaz correspondia às vontades da solteirona, ela já era meio velha, mas ainda tinha um corpo interessante. Além do mais, era a primeira vez que Sem-Pernas recebia uma mulher sem ser à força, como fazia com as negrinhas no areal. Ele não era bonito e sua perna manca repelia o interesse de qualquer menina.


Várias noites se passaram, porém Joana nunca se entregava completamente: tinha receio de engravidar e impedia que Sem-Pernas a penetrasse, deixando-o frustrado e enraivecido. A solteirona se contentava com migalhas do amor, Sem-Pernas queria o amor completo. Ele ameaçava deixá-la, humilhava-a, ela lhe oferecia dinheiro para ficar mais uma noite.


Pedro Bala já estranhava a demora de Sem-Pernas em retornar com informações para o furto. Ele já sabia onde se escondiam as joias e tinha acesso às chaves que as trancavam, mas ainda queria conseguir o gozo completo com Joana.


Com a insistência da vitalina em não ceder completamente ao garoto, Sem-Pernas acabou fugindo e coordenando o furto de suas riquezas. Joana chora quando descobre o roubo, fica furiosa por pensar que todas as noites de amor só aconteceram pelo interesse do ladrão. Sem-Pernas ri da desgraça da solteirona, fazendo troça da história com os garotos no trapiche, e guardando para si o desejo insatisfeito que ainda preenche suas noites, e lhe dá raiva.

Faça o download do eBook completo, em formato PDF:


Ou continue lendo online (com anúncios) navegando abaixo:


Publicidade
Publicidade