Resumo Por Capítulo: Memórias Póstumas de Brás Cubas

Faça o download do eBook completo, em formato PDF:


Ou continue lendo online (com anúncios):

 

131 - De uma calúnia


Quando seu “ventriloquismo cerebral” forçou-o a elogiar Virgília, um colega tocou-lhe o ombro e disse “Seu maganão! Recordações do passado, hem?”, Cubas respondeu “Viva o passado!” e o colega questionou se ele tinha sido “reintegrado no emprego”.

Deste diálogo o narrador analisa que, apesar de as mulheres terem fama de serem indiscretas, os homens é que o são. Em questão de aventuras amorosas, mulheres negam tudo, dizem que são calúnias; enquanto os homens se orgulham do feito, o consideram uma vitória sobre o outro homem – que não deve ser omitida.


A indiscrição feminina é, portanto, invenção dos homens. As mulheres pecam, somente, por não resistir a alguns gestos e olhares. Citando a rainha de Navarra, “Não há cachorrinho tão adestrado, que ao fim lhe não ouçamos o latir.”

 

Faça o download do eBook completo, em formato PDF:


Ou continue lendo online (com anúncios) navegando abaixo: