top of page

Resumo Por Capítulo: Campo Geral

Parte 12


A manhã começa com a beleza natural do Mutúm e os sons característicos dos pássaros e animais. O Dito ajuda no trabalho rural, mostrando seu interesse em aprender e crescer. Miguilim, por sua vez, recebe a tarefa de levar comida para o pai, que fica trabalhando na roça.


CONTINUE LENDO APÓS A PUBLICIDADE


No caminho ele observa atento a vida selvagem e a natureza ao seu redor. Seu pai, ao receber a marmita, mostra uma apreciação silenciosa pelo esforço de Miguilim, que fortalece a relação entre eles. Miguilim, sentindo-se útil e valorizado, percebe a importância de seu papel na família.


CONTINUE LENDO APÓS A PUBLICIDADE


A tranquilidade de Miguilim, no entanto, é interrompida por um encontro inesperado com seu Tio Terêz no mato, quando retornava para casa. Tio Terêz entrega a Miguilim um bilhete secreto para ser dado à sua mãe, enfatizando a confiança que deposita nele. Miguilim, confuso e assustado com a missão, debate-se internamente sobre o que fazer com o bilhete, temendo as consequências de suas ações em relação ao pai e ao restante da família.


CONTINUE LENDO APÓS A PUBLICIDADE


A tensão aumenta à medida que Miguilim pondera sobre as implicações morais e familiares de entregar ou não o bilhete. Ele se encontra dividido entre a lealdade ao tio e o medo de causar um conflito familiar, especialmente considerando as advertências e os agouros de Vovó Izidra.


CONTINUE LENDO APÓS A PUBLICIDADE


Miguilim planeja não entregar o bilhete à mãe e rasgá-lo, jogando os pedaços num rego. Ele pensa em não levar o almoço ao pai no dia seguinte, alegando estar doente, para evitar o encontro com Tio Terêz. Este momento marca uma escolha significativa de Miguilim, demonstrando seu amadurecimento e a complexidade crescente de suas emoções e responsabilidades.


CONTINUE LENDO APÓS A PUBLICIDADE



ou continue lendo online...

bottom of page